O Forró quem faz é o povo


No bar do Vicente em Cabeça de Boi e ainda sem saber como passar a noite de carnaval, Júnia perguntou:

– Vicente, você acha que vale a pena ir no forró do Tião da Antena?

– Ora Júnia, o forró quem faz é o povo.

Sábio Vicente. Um filosofo concerteza.

Mais tarde no bar do Agostinho decidimos não ir no forró. O povo falava da banda de samba que passara na praça na noite anterior. Valia a pena esperar que eles voltassem. A banda, era um grupo de amigos, hospedados numa pousada próxima que se juntavam para tocar. Não uma banda contratada para tocar no carnaval de Cabeça de Boi. Mas o povo estava em grande expetativa com o regresso da ’banda’. E sabendo disso a banda voltou ao bar do Agostinho. A audiência que não cabia toda no bar se impacientou por eles não sairem para a rua. “Vocês são muito mitidos” gritava uma moça revoltada com tamanha afronta. E os moços da ‘banda’ lá sairam coitados para agradar o povo. Fizeram o carnaval na rua, e o povo se animou, dançou, bebeu e o vilarejo virou uma festa.

É Vicente…o forró quem faz é o povo. E o samba também.

 

About manu|escrita

https://about.me/manu.escrita View all posts by manu|escrita

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: